Cotidiano

Pfizer envia dados de testes visando registro de vacina na Anvisa

A Pfizer iniciou os procedimentos para o registro da vacina BNT162, contra a Covid-19, junto a Agência Nacional de Vigilância (Anvisa). Nesta quarta a farmacêutica norte-americana – que desenvolve o imunizante em parceria com a BioNTech – informou que enviou à Anvisa os primeiros dados dos testes. O procedimento não significa que a empresa pediu o registro do produto no país.

Como parte da submissão contínua, dirigentes da farmacêutica e da agência tiveram reunião nesta quarta.Na submissão contínua, a Pfizer não precisará ter todos os documentos reunidos para apresentá-los de uma vez só à agência. Os resultados finais dos testes serão enviados à medida que foram sendo tabulados.

“A Pfizer disponibilizará todos os dados necessários para avaliação e estará em total colaboração com a Anvisa para que esse processo transcorra da melhor maneira e o mais rapidamente possível”, afirmou, em nota, Márjori Dulcine, diretora médica da empresa no Brasil.

O Ministério da Saúde incluiu a Pfizer entre os cinco fabricantes com os quais está em negociação. Também nesta quarta, em encontro com investidores, o presidente Jair Bolsonaro admitiu comprar vacina contra a Covid-19, caso o produto seja registrado na Anvisa. Os testes para desenvolvimento da BNT162 incluíram 2,9 mil voluntários brasileiros. 

G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar