Esportes

Neymar recusa redução salarial no PSG

O PSG ainda não conseguiu diminuir os salários do elenco durante a pandemia do coronavírus. O clube tem esbarrado na rejeição de alguns atletas.

Entre os que não aceitaram a redução está Neymar, segundo o ‘Le Figaro’. A publicação ainda afirmou que a posição do brasileiro seria mais uma forma de pressionar o Paris por sua liberação para o retorno ao Barcelona.

Além de Neymar, também teriam rejeitado a diminuição dos vencimentos os jogadores Thiago Silva, Cavani, Herrera e Bernat. Já Mbappé e Marquinhos teriam concordado em reduzir até 70% dos salários.

Galaticosonline

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo