Entretenimento

'A lei do Amor': Tião é condenado a três anos de prisão por espancar Jéssica

Tião ainda terá que pagar indenização milionária.

tiao
Reprodução Gshow
Em a Lei do Amor, o personagem de José Mayer irá parar em um tribunal por agredir Jéssica (Marcella Rica). Tião será condenado a três anos de prisão, mas não irá para a cadeia por ser réu primário. O banqueiro terá de pagar uma indenização de R$ 300 mil à ex-amante e será proibido de se aproximar dela.
Em uma campanha contra a violência doméstica, os autores da novela vão promover um escândalo na vida do milionário. Mulheres vão protestar e xingar o agressor, e outros personagens irão comentar o absurdo que foi ele bater em uma mulher. Esse será um dos motivos que levará Letícia (Isabella Santoni) a se afastar do pai de criação.
Após a denúncia de agressão em uma delegacia, o público verá a audiência do caso ser marcada rapidamente. Jéssica irá acompanhada de um defensor público, além da sua mãe, Salete (Claudia Raia), e de sua irmã, Flávia (Maria Flor).
“Considerando as provas apresentadas nos autos do processo e depois de ouvir o depoimento das partes aqui presentes, estabeleço a condenação do réu Tião Bezerra à pena privativa de liberdade de três anos”, dirá a juíza. “Como é que é? Eu estou preso? É isso?”, indagará o vilão, nervoso.
Ele ficará desesperado com a possibilidade de passar três anos atrás das grades, e o seu advogado mandará ele calar a boca até a juíza terminar de ler a sentença.
“Contidos os requisitos legais, estabeleço a suspensão do cumprimento da pena! Além disso, de acordo com a lei, estabeleço o pagamento de indenização por dano moral à senhorita Jéssica Meloni, no valor de R$ 300 mil”, dirá a magistrada.

Indenização e restrição
Tião reclamará do valor e exigirá que seu advogado recorra. “Como medidas restritivas, o senhor deverá guardar distância de cem metros da senhorita Jéssica e está proibido de entrar em contato com ela por qualquer meio! Está entendido?”, concluíra a juíza.
Bufando, Tião vai concordar. Depois, na sala de espera, Jéssica explicará para Salete e Flávia o que foi decidido na audiência. “A pena foi suspensa porque ele é réu primário! O promotor me explicou! Mas tudo bem. Agora, qualquer deslize, ele vai em cana”, falará a loira.
Ele sairá sorrindo e provocando as três. “Não falei, que eu ia sair pela porta da frente?”, falará, com ironia. “O senhor pode zombar da Justiça dos homens, mas não vai escapar da Justiça de Deus”, retrucará Salete. “Falou a notória cafetina, que agencia a filha e os frentistas do posto de gasolina”, vai disparar ele.
Salete será contida para não voar no pescoço do mau-caráter. “Não vale a pena sujar as mãos com esse traste! Isso é só o começo! Se prepare, Tião! Esse é só o primeiro dos muitos processos que você vai responder”, afirmará Flávia.
“É? Então investigue! Tem alguma prova contra mim? Aguardo ansiosamente”, dirá ele, dando uma gargalhada logo em seguida. Essa sequência está prevista para ir ao ar na próxima quarta-feira (14) na novela das nove da Globo. Noticias da Tv

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo