Slide

Funcionários particulares de Collor são pagos com verba do Senado, afirma revista

O senador Fernando Collor (PTB-AL) utiliza três funcionários contratados como assistentes parlamentares pelo seu gabinete para desempenharem serviços particulares, afirma reportagem da revista Época desta semana. De acordo com a publicação, Acemilton Gonçalves da Silva trabalha como jardineiro na casa de Collor e recebe R$ 2,2 mil mensais do Senado. Ainda segundo a Época, Carmen Valéria Rocha e Sandra Regina Sasaki são arquivistas de uma fundação do político e têm salário de R$ 6, 4 mil cada uma. A equipe de Collor informou à revista que “os três servidores desempenham, como assistentes parlamentares, as atividades de apoio que lhe são determinadas”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo