Slide

Escritórios de advocacia: como continuar o relacionamento com o cliente após o fim do processo?

Serviços jurídicos possuem natureza pontual. Isso quer dizer que, uma vez resolvido o problema do cliente, a relação profissional também termina. No entanto, não é porque um processo chegou ao fim que o relacionamento com um cliente precisa acabar. Manter o relacionamento mesmo que o contrato de prestação de serviços tenha finalizado é uma ótima maneira de ser lembrado e indicado no mercado, melhorando a projeção do escritório.

No universo empresarial, o chamado “pós-venda” já é uma prática comum que traz excelentes resultados. Na advocacia, condutas simples após o fim da relação profissional podem trazer impactos bastante positivos.

Por que continuar o relacionamento após o fim do processo?

Não são todos os escritórios que possuem clareza acerca da importância do pós-venda. Porém, esse momento pode ser crucial não apenas para consolidar uma relação positiva com o cliente, como também para obter feedbacksvaliosos sobre como o escritório pode melhorar.

A satisfação do cliente, especialmente em um mercado concorrido como o da advocacia, não deve ser deixada de lado. Logo, é fundamental trabalhar o relacionamento da prospecção até o fim da relação profissional. Muitas vezes é nesse momento que o advogado tem a oportunidade de encantar seu cliente, entregando mais do que ele esperava.

Boas práticas para continuar o relacionamento com a clientela

Existem diversas formas de manter um relacionamento positivo com a clientela, mesmo após o fim da relação profissional. Isso faz com que o cliente se lembre do escritório com mais frequência, potencializando as chances de indicação. Nem sempre um bom serviço torna o advogado e o escritório memorável. Um relacionamento ativo, no entanto, faz com que profissionais e bancas sejam mais recomendados no mercado.

Algumas das ações que trazem resultados são:

1. Pesquisas de satisfação

Com o fim da relação, é sempre bom entender se as expectativas do cliente foram atendidas. Mesmo que algum erro tenha sido cometido durante a prestação de serviço, mostrar que o escritório se preocupa em ouvir seu cliente e melhorar minimiza  dissabores que podem ter ocorrido.

No final do processo, o cliente não precisa mais do advogado e por isso tem liberdade de se manifestar. Nesses momentos, o profissional pode ter acesso a opiniões valiosas capazes de gerar reflexões e melhorias efetivas na prestação de serviços.

2. Envio de newsletters periódicas

Oferecer conteúdo de qualidade e que seja de interesse do cliente é uma excelente forma de manter um bom relacionamento. Por meio de de newsletters periódicas é possível informar o cliente acerca de atualizações na legislação e mudanças no universo jurídico que impactam sua vida ou mesmo seu negócio.

3. Envio de mensagens em datas especiais

Enviar cartões em datas especiais como aniversário e Natal, por exemplo, são uma ótima maneira de manter um bom relacionamento e mostrar ao cliente que ele importa. Por mais que seja uma ação com um toque pessoal, esse tipo de lembrança estreita de forma positiva o relacionamento. 

Cadastro de clientes: a base de uma boa comunicação 

Para manter um bom relacionamento com o cliente, mesmo com o final da relação profissional, é fundamental ter um cadastro atualizado. Muitos escritórios não dão a devida atenção ao cadastro de clientes e perdem excelentes oportunidades de negócios. Seja durante a execução dos contratos, seja após o final deles, é preciso ter uma base atualizada para que a comunicação do escritório seja efetiva.

Uma das maneiras mais fáceis de manter o cadastro de clientes atualizado é usando ferramentas específicas. Com um bom software jurídico, por exemplo, é possível reunir todos os dados e organizá-los, tornando o contato mais fácil sempre que necessário.

Nem todos os escritórios estão atentos a importância do pós-venda. Porém, são através de detalhes e foco no cliente que determinadas bancas estão conquistando o mercado e vencendo a concorrência.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar