JustiçaPolítica

AGU entrega exames de Bolsonaro a Lewandowski

A AGU (Advocacia-Geral da União) entregou os exames do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para coronavírus em mãos no gabinete do ministro Ricardo Lewandowski, do STF (Supremo Tribunal Federal). A informação é da colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo.

Lewandowsk havia sido sorteado como relator de ação em que o jornal O Estado de S. Paulo pedia a suspensão de decisão do presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ) João Otávio Noronha, que desobrigava o presidente de apresentar os resultados do destes feitos para detectar se ele já foi infectado pela Covid-19.

O jornal alegava que a determinação tinha interrompido “a livre circulação de ideias e versões dos fatos, bloqueou a fiscalização dos agentes públicos pela imprensa e asfixiou a liberdade informativa” do jornal.

A Justiça já deu ganho de causa duas vezes ao jornal, ap mandar que Bolsonaro mostre o exame: uma na primeira instância, e a segunda, no Tribunal Regional Federal da 3ª Região.​

Ao recorrer em ambas, a AGU (Advocacia-Geral da União) alegara que o presidente tem direito à privacidade.

Bolsonaro fez testes para coronavírus nos dias 12 e 17 de março. Embora afirme que os resultados sejam negativos, tem se negado a mostrá-los. Bahia.ba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar