Cidades

Temer repassou propina da JBS a deputado líder do PMDB; veja cheque

Doação foi feita a Baleia Rossi  líder do PMDB na Câmara.

A campanha do deputado Baleia Rossi, líder do PMDB na Câmara, recebeu R$ 150 mil da JBS em 2014, por meio de um cheque do então presidente do PMDB, Michel Temer. Em 1º de outubro de 2014, a JBS depositou R$ 3 milhões na conta eleitoral do PMDB. No dia seguinte, Temer assinou o cheque a Baleia Rossi, seu aliado e filho do ex-ministro Wagner Rossi, acusado de receber um mensalinho da JBS, a pedido do então vice-presidente.

Os R$ 3 milhões depositados pela JBS na conta do PMDB foram debitados, na contabilidade paralela da empresa, do saldo de propina do PT junto ao grupo – US$ 150 milhões, mantidos em duas contas em Nova York.

Uma empresa da família de Baleia Rossi, a Ilha Produção, também aparece nos documentos da delação da JBS como beneficiária de pagamentos por indicação de Temer em 2010, 2012 e 2014. Época

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo