Entretenimento

“SuperStar” termina com protestos na web e Fernanda Lima pode ficar sem programa

fernandalimaA segunda edição do “SuperStar” chegou ao fim no domingo (12) na Globo podendo ter dado um adeus definitivo a programação da emissora. Empecilhos não faltam.
O reality musical perdeu durante quase toda a temporada para o “Programa Silvio Santos” (SBT) em audiência, foi acusado de fazer playback durante a apresentação de seus concorrentes e teve sua apresentadora, Fernanda Lima com cara de poucos amigos em vários domingos.
A final, vencida pela dupla Lucas e Orelha, obteve  audiência na casa dos 12 pontos (prévia), uma das melhores da temporada, conquistando a liderança no horário. Mas o resultado causou indignação nas redes sociais.
A torcida pela banda Scalene era grande. Assim que o programa acabou, os internautas foram para web acusar a final de ser “marmelada”. Disseram que o diretor da atração, Boninho, segurou os votos da Scalene para a banda não vencer. Reclamaram também da mudança das regras de eliminação na final, onde prevaleceu a eliminação “mata-mata” e não o sistema de contagem de pontos.
Outro assunto muito comentado na final do programa foi o penteado de Fernanda Lima. A bela foi por várias vezes comparada a uma calopsita e virou motivo de piada no Twitter.
Na Globo, a volta do “SuperStar” em 2016 enfrenta muita resistência. A rede já adquiriu os diretos de fazer uma nova edição, mas o alto custo da atração e seu baixo desempenho em audiência são grandes obstáculos para o retorno do programa.
Sem um novo “SuperStar”, Fernanda Lima fica sem programa na emissora. Pelo menos por enquanto. A nova edição de seu “Amor & Sexo” ainda está em suspenso e não há outros projetos para ela no canal neste ano.
E você? Gostou do resultado do “SuperStar”? Acha que o programa deve voltar no próximo ano? R7  – Siga-nos no twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo