NotíciasSlide

Polícia investiga hipótese de Carlos Bolsonaro ter envolvimento na morte de Marielle e Anderson

Caso Marielle ganhando novos capítulos, mas ainda sem um desfecho.

A Polícia Civil do Rio de Janeiro investiga a possibilidade do vereador Carlos Bolsonaro, filho do presidente da república ter envolvimento na morte da vereadora Marielle Franco e seu motorista Anderson Gomes, a informação é o jornalista Kennedy Alencar, as revelações aconteceram a rádio CBN na tarde desta quarta-feira (20).

“Polícia Civil do Rio trabalha com tese de envolvimento de Carlos Bolsonaro no caso Marielle”, post com informação dada há pouco no @jornaldacbn2. https://t.co/ltQB1C3pTu— Kennedy Alencar (@KennedyAlencar) 20 de novembro de 2019

De acordo com o jornalista, Carlos era vizinho e tinha relação próxima com Ronnie Lessa, apontado pelas investigações como autor do disparo que matou a vereadora.

Recentemente o filho do presidente deixou as redes sociais.

O UOL apontou que Calos e Marielle tiveram uma discussão pública na Câmara Municipal, o motivo não foi revelado.

Ontem o porteiro do condomínio os Bolsonaros residem, mudou depoimento, disse ter se enganado e ter mentido quanto a ida de Lessa a casa o presidente.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar