Cidades

Planilha da JBS mostra pagamento de R$ 100 mil a vice-governador da Bahia, diz site

Os nomes do vice-governador da Bahia, João Leão (PP), o presidente Michel Temer e mais outros 62 políticos figuram em uma lista apreendida pela Polícia Federal, na sede da JBS, em São Paulo. Segundo informações da revista Época, o documento mostra uma suposta conta-corrente que teria sido aberta apenas para realizar os repasses aos políticos e alguns partidos.

Na imagem divulgada pela revista, aparece o nome de Leão, um pagamento no valor de R$ 100 mil e ainda um crédito de R$ 823 mil. De acordo com o documento, o repasse teria sido feito em 22 de setembro de 2014, mesmo ano em que Rui Costa foi eleito governador da Bahia.

A planilha ainda mostra o nome de Temer e um repasse de R$ 1 milhão, que teria sido realizado em 2 de setembro do mesmo ano.

O documento estava no gabinete de Wesley Batista e a apreensão aconteceu durante a Operação Maquinários, sob a coordenação da Superintendência Regional da Polícia Federal de Mato Grosso do Sul.

Os dados ainda mostram que foram repassados mais de R$ 56 milhões para os políticos. No entanto, parte desses valores já haviam sido divulgadas pelos executivos da JBS em delações premiadas.

Artigos relacionados

                                    (Foto: reprodução/Revista Época)

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios