Política

‘Não vejo risco nenhum’, diz Mourão sobre possibilidade de Bolsonaro não aceitar derrota

Diante dos ataques do presidente Jair Bolsonaro (PL) ao sistema eleitoral e a preocupação de lideranças políticas e do judiciário sobre a possibilidade de uma ruptura democrática, o vice-presidente Hamilton Mourão (Republicanos) descartou o risco do mandatário não aceitar uma eventual derrota nas eleições de outubro.

“Não vejo risco nenhum. Aqui existe a turma da análise pré-estabelecida e que fica torcendo os fatos para que caibam no pacote que criaram: o de que teremos algo similar ao que ocorreu nos EUA. São processos totalmente distintos”, disse o general à coluna de Igor Gadelha, no portal Metrópoles, citando a tentativa de Donald Trump de contestar a vitória de Joe Biden, em 2020, que acabou suscitando a invasão do Capitólio, com mortos e feridos.

Segundo a publicação, no início de março Mourão também avaliava “totalmente desproposital” a tese de que as Forças Armadas não aceitariam uma eventual vitória do ex-presidente Lula (PT), que até então lidera as pesquisas eleitorais.

Bahia.ba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo