CotidianoCOVID-19

Modelo plus size e integrante do movimento Vai Ter Gorda morre aos 29 anos na BA por complicações da Covid-19

Morreu vítima da Covid-19 a modelo plus size e integrante do Movimento Vai Ter Gorda, Thais Carine Oliveira, aos 29 anos, na noite de segunda-feira (15), em Salvador

Em 2018, Thais participou de um concurso para eleger a representante plus size do Esporte Clube Bahia. Além disso, segundo o Movimento Vai Ter Gorda, ela participava de ações, ensaios fotográficos e concursos de modelo plus size. O movimento realiza diversas ações de combate a gordofobia em Salvador e em outros estados.

Thank you for watching

A modelo foi diagnosticada com Covid-19 há cerca de um mês. Ela ficou internada em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, mas por causa do quadro grave, foi transferida para o Hospital Ernesto Simões, na capital baiana. Nos últimos 14 dias ela precisou ser entubada na UTI do hospital e de transfusão de sangue.

Thaís era casada e deixou dois filhos. O enterro da modelo aconteceu na tarde desta terça-feira (16), em cerimônia sem velório, por causa dos protocolos de prevenção à Covid-19.

Por meio de publicação em rede social, o Movimento Vai Ter Gorda prestou homenagem a Thais:

Hoje o céu recebe essa estrela que nos deixa! A família VAI TER GORDA está em prantos!  Nossos sentimentos a toda família, esposo, filhos e amigos! Se cuidem! Fiquem em casa!

Também por meio de uma rede social, o marido de Thais Carine, Fabiano de Moraes, falou sobre a morte da esposa:

Vc é minha Vida, meu Coração, Minha princesa de Marido. Obrigado pelos nossos filhos, pela nossa Casinha, por me apresentar Jesus Cristo, por me dar alegria, por me fazer feliz. Descanse em paz. Cuidarei dos nossos filhos. Te amo muito 

G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo