GeralNotícias

Ministério da Justiça determina que Polícia Federal investigue Telexfree

TELEX FREEA Polícia Federal abrirá um inquérito para apurar as atividades da empresa Telexfree no Brasil. A investigação será realizada a pedido do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, feito nesta segunda-feira (8). A pasta comandada por Cardozo tem apurado denúncias sobre a empresa desde janeiro deste ano, através da Secretaria Nacional do Consumidor. A empresa é suspeita de explorar o sistema comercial conhecido como pirâmide financeira, proibido no país, por consistir em recrutamento progressivo de pessoas, sem garantia de retorno financeiro efetivo. A Telexfree já envolve cerca de 1 milhão de pessoas no Brasil. A Comissão de Valores Mobiliários, o Banco Central, a Secretaria de Acompanhamento Econômico do Ministério da Fazenda e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica já apontaram indícios de crimes contra a economia popular, esquema de pirâmide e evasão de divisas. O Departamento de Defesa do Consumidor, do Ministério da Justiça, abriu processo administrativo contra a Telexfree por formação de pirâmide e ofensa ao Código de Defesa do Consumidor. O Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC) manteve a decisão que suspendeu as atividades da empresa no país. A empresa não pode fazer novos cadastros de divulgadores e está impedida de pagar aos apoiadores já cadastrados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo