Cotidiano

Maurício Barbosa sobre reivindicações da Aspra: ‘Estamos abertos ao diálogo’

O secretário de Segurança Pública do Estado, Maurício Barbosa, afirmou nesta segunda-feira (14), que o governo está aberto ao diálogo com “qualquer pessoa” sobre as reivindicações do grupo de policiais da Associação dos Policiais e Bombeiros e de seus Familiares do Estado da Bahia (Aspra), que estão com suas atividades paralisadas.

“Ninguém se intitula mais ou menos dono da verdade, obviamente que há uma questão de respeito pela autoridade do governador, do secretário e do comandante geral. Existem várias associações, não só a Aspra”, disse em entrevista coletiva aos jornalistas.

Barbosa ressaltou ainda que não aceita que a população seja “vítima de ameaças”. “A gente espera que as pessoas tenham um pouco mais de bom senso para que a gente possa discutir isso de outra forma’, pontuou.

‘Estamos investigando tudo; desde a questão dos ônibus até os ataques às agências bancárias, a questão das mortes tem alguma ligação, porque a bandidagem se sentiu, no primeiro momento, à vontade para cometer os delitos, tanto que prendemos mais de 30 pessoas tentando saquear lojas”, explicou.

Para o secretário, a paralisação não teve “adesão nenhuma”. “A polícia trabalha normalmente. No final de semana, a polícia estava na rua, no Dia das Crianças, jogos do Vitória e do Bahia”, ressaltou.

Bahia.ba

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar