Slide

Líder petista em Sergipe comete gafe e anuncia Lula como ‘futuro presidiário’

Após a gafe líder petista afirmou ter caído em armação tendenciosa.

Foto: Clara Rellstab/ bahia.ba

Vice-presidente do PT de Estância, em Sergipe, Zé Carlos do PT cometeu uma baita gafe ao anunciar a chegada à cidade do principal líder do seu partido, o ex-presidente Lula.

Em mensagem compartilhada por meio do WhatsApp, o dirigente chama o petista de “futuro presidiário”. Recentemente, Lula foi condenado a nove anos e meio de prisão pelo juiz Sérgio Moro e pode, realmente, ser detido, caso a segunda instância mantenha a decisão.

“Por oito votos favorável (sic), cinco contra e uma abstenção, foi confirmam (sic) o Título honorífico de cidadania estanciana para o futuro presidiário Lula (sic)”, diz a mensagem, com ênfase nas últimas palavras.

Após a trapalhada, o vice-presidente tentou se explicar. Disse ter caído em uma postagem irônica e “tendenciosa do jornalista antipetista Diogo Oliveira”.

“Quero repudiar uma nota publicada no Site Diário Sergipano do último dia 17 de agosto, do ano em curso, onde o seu diretor, o senhor Pisca Júnior, usando de má fé, mesmo sabendo que foi um equívoco meu, em compartilhar a nota escrita por Diogo Oliveira, que é assessor de comunicação do Município de Estância, a qual eu não tive o devido cuidado de ler todo o conteúdo, fui vítima dessa imprensa marrom, que tenta a qualquer custo me desqualificar perante meus companheiros de luta”, diz a nota. Bahia.Ba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo