BrasilGeral

Félix Mendonça: ‘É candidatura própria ou participar da chapa majoritária

Presidente do Partido Democrático Trabalhista na Bahia (PDT-BA), o deputado federal Félix Mendonça Jr. afirmou nesta terça-feira (16) que a tendência é que seu partido, assim como o Partido Progressista (PP) e o Partido Comunista do Brasil (PCdoB), a tendência é que seu partido também tenha uma candidatura própria ao governo do Estado em 2022. Mendonça disse que, caso não tenha, a legenda deve compor, ao menos, a chapa majoritária.

“Acho que todos os partidos podem, e até deveriam, ter candidatos ao governo. Assim como o PT já lançou o nome de Wagner, o PP tem todo o direito, e eu diria até uma necessidade de lançar um candidato. E João Leão é o nome mais forte dentro do partido. Eu vejo com tranquilidade e com satisfação”, afirmou Mendonça, que disse ainda que o PDT também tem em mente uma possível candidatura própria. Mas, caso não consiga, pretende, ao menos, participar da chapa majoritária.

“Sim, o PDT pensa em lançar uma candidatura própria. Não tendo, pensa na participação em uma majoritária, é fundamental para o partido. O partido tem que está na majoritária, de preferência com a candidatura própria a governador”, pontuou o deputado.

O PDT faz parte da base partidos que apoiam o governador Rui Costa. No entanto, vale lembrar que o partido também é aliado do ex-prefeito ACM Neto e do prefeito Bruno Reis ao mesmo tempo. Sobre isso, Mendonça se esquivou ao ser questionado se isso implicaria na escolha de qual lado seguir em 2022, caso seja confirmada a candidatura de Neto ao governo.

“Nós somos base do governo Rui Costa, mas a tendência é ter candidatura própria ou o segundo plano, participar da chapa majoritária, não vejo muita dificuldade não. Inclusive, apoiamos o governo em 2018”, completou.

Bahia.ba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo