Esportes

Falcão diz não ser amigo de Manuel Tobias e rebate ex-jogador: ‘Sou o melhor do futsal’

O mal-estar entre os ex-jogadores de futsal Falcão e Manoel Tobias parece estar longe do fim. Em entrevista à Fifa, Tobias colocou o astro brasileiro como segundo colocado entre os maiores nomes da história da modalidade. Em seguida, Falcão respondeu e cravou sua superioridade. Novamente no tema, em entrevista ao canal Desimpedidos, o camisa 12 revelou que nunca existiu amizade com Manoel Tobias e comentou a rivalidade criada.

– Eu e o Manuel Tobias nunca fomos amigos. Nós tivemos um problema de vestiário em 2004, quando perdemos para a Espanha e eu achava que ele tinha que ter batido o pênalti pelo nome dele, a história e o peso que ele tinha e, de repente, empurraram o Neto, que era novo. Essa briga acabou vazando para a imprensa, que é uma briga comum, todo time tem, mas eu nunca fui amigo dele – disse Falcão.

 Só acho que dois ídolos do esporte não precisam ter esse clima. Nunca tivemos nada, só esse desentendimento de vestiário em 2004. Agora a FIFA foi entrevistá-lo pelos 50 anos e ele falou que foi o melhor, aí eu fui pegar os meus números (risos) e não tem como, eu sou o melhor. Ele e o Ricardinho ficam entre segundo e terceiro – cravou.

O Manoel Tobias foi um monstro, e aprendi muito com ele. E ele está certo com sua autoconfiança. Porém, o aumento do espaço de jogo para 40×20 matou 50% do jogo dele, onde com 37 anos acabou parando precocemente. Eu joguei igual em ambas. Essa autoconfiança eu também tenho e, mais que isso, em números e fatos. Ele fez aproximadamente o mesmo número de jogos que eu, com 267 gols. Eu fiz 401, “apenas” 134 gols a mais. Acredito ser uma diferença considerável. Sou maior goleador em Copas do Mundo de todos os esportes Fifa, seja feminino ou masculino, com 48 gols – argumentou.

Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo