GeralSlide

Desempregados, advogados dos EUA processam faculdades em que se formaram


UNIVERSIDADE SAN FRANCISCOUniversidades estadunidenses são alvo de processos judiciais movidos por ex-alunos de direito que não conseguiram uma colocação no mercado de trabalho, noticia o UOL, de acordo com reportagem publicada pelo jornal espanhol El País. Os profissionais argumentam que as instituições descumpriram os direitos dos consumidores e alegam terem sido enganados pela divulgação de altos índices de empregabilidade pelas universidades. Algumas teriam informado que mais de 90% dos seus egressos estavam a atuar na área de formação. Ao El País, os advogados dos profissionais disseram que as universidades sabiam que as porcentagens não eram reais e mesmo assim usaram os números para atrair mais alunos.  Segundo o UOL, somente na Califórnia, onde a legislação para proteger os consumidores é mais avançada do que em outros Estados, foram processadas cinco universidades: Southwestern, San Diego”s Thomas Jefferson, San Francisco”s Golden Gate University, California Western School of Low e University of San Francisco. Ainda de acordo como site, estudar em cada uma dessas universidades custa, em média, 40 mil dólares (R$ 80 mil) por ano. Um estudo de 2011 nos EUA revelou que somente 55% dos graduados em direito conseguiram emprego na área nove meses após a formatura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo