BrasilGeral

De volta à prefeitura do Rio, Paes determina investigação sobre Crivella

O prefeito do Rio, Eduardo Paes (DEM), tomou posse no cargo nesta sexta-feira (1º) tomando uma série de medidas em seu retorno ao Executivo fluminense. Ele já editou 74 decretos no Diário Oficial e determinou a abertura de investigações sobre o seu antecessor, Marcelo Crivella (PRB).

Segundo o portal G1, as apurações serão feitas por meio de Comissão de Investigação Preliminar para apurar possível irregularidade em razção do suposto “QG da Propina”, episódio que levou Crivella à prisão e ao afastamento do cargo. O novo prefeito deu prazo de 30 dias para a apresentação de um relatório.

A investigação do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) sobre o “QG” aponta a existência de um esquema no qual empresários pagavam para ter acesso a contratos e para receber valores que eram devidos pela gestão municipal.

Outra Comissão de Investigação Preliminar instituída por Paes nos mesmos moldes vai apurar se houve irregularidade, dentro da prefeitura, com os “Guardiões do Crivella” — grupos de assessores pagos para agredir jornalistas na porta de hospitais, a fim de atrapalhar reportagens com denúncias na saúde.

Bahia.ba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo