EsportesGeral

Cristóvão ignora momento político e exalta postura do time

CRISTOVÃO BORGES 2A intervenção no Esporte Clube Bahia é o assunto mais comentado quando o nome do clube é citado em qualquer veículo de imprensa. Entretanto, ao analisar o desempenho do time no triunfo sobre o São Paulo, fora de casa, o treinador Cristóvão Borges negou que o momento política interferiu na preparação o time.
Elogiou a postura dos jogadores dentro das quatro linhas e descartou qualquer mudança comportamental dos atletas por causa da saída do presidente Marcelo Guimarães Filho e, ao mesmo tempo, chegada do interventor Carlos Rátis.
Para Cristóvão, os atletas estão focados apenas em jogar.
– No futebol, a vitória ajuda em tudo. É um momento político que o clube está vivendo. Está assim desde que chegamos, e a diretoria está cuidando disso. Estamos concentrados no campeonato, passando por um momento de afirmação. Precisamos estar concentrados só no campeonato. Ter conseguido a vitória vai ajudar bastante a nossa caminhada – disse.
Sobre a partida no Morumbi, Cristóvão Borges gostou da organização tática durante os noventa minutos e considerou o resultado positivo como justo, apesar do São Paulo ter saída na frente do placar.
– A postura da equipe foi boa, assim como tinha acontecido em alguns momentos contra o Corinthians, mesmo a gente perdendo a partida. A equipe sempre esteve organizada. Sofremos um gol numa vacilada nossa, num momento de desatenção, mas mesmo assim estávamos jogando uma boa partida. No segundo tempo continuou jogando da mesma forma. Nós merecemos a vitória. Se tivesse um resultado diferente, seria injusto – analisou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo