SlideVale do Jiquiriçá

Consórcio do Vale do Jiquiriçá define compras coletivas na área da saúde como prioridade

Reunidos em mais uma assembleia, desta vez em Milagres, prefeitos do Vale do Jiquiriçá discutiram assuntos de interesse dos municípios para alavancar o crescimento do território. Entre os assuntos que estiveram na pauta dos gestores, os serviços prestados pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento Embasa na região e as compras em conjunto, na área da saúde.

Com aprovação por parte dos gestores do projeto de compra compartilhada, o Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Vale do Jiquiriçá – Convale está autorizado a licitar procedimento administrativo previsto na Lei Federal nº 8.666/93, para compra de medicamentos, contemplando os 19 municípios consorciados: Jaguaquara Amargosa, Brejões, Cravolândia, Elísio Medrado, Itaquara, Itiruçu, Irajuba, Jiquiriçá, Lafaiete Coutinho, Lajedo do Tabocal, Laje, Maracás, Mutuípe, Nova Itarana, Planaltino, Santa Inês, São Miguel das Matas e Ubaíra.

O processo ocorrerá com base legal contida no Artigo 17, da Lei Federal n° 11.107/05, que inclui § 1°, no artigo 112, da LF n° 8.666/93. O Consórcio ainda está recolhendo a demanda de medicamentos de todos esses municípios, a fim de licitar remédios que suprirão as necessidades da população.

Antes dessa iniciativa, cada município fazia suas próprias licitações. Agora, com a praticidade dessa modalidade, o resultado é equiparado a 19 em 1. ”É mais um passo importante para o crescimento da região. Com essa união, através da compra compartilhada, nós vamos conseguir fazer mais com menos recursos. Em cada assembleia nós estamos discutindo a união, para trabalharmos em conjunto e isso é fundamental para que cada cidade se desenvolva”, comentou o presidente do Convale e prefeito de Planaltino, Zeca Braga. Fonte: Blog Marcos Frahm.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar