Cidades

Bolsonaro se queixa com filho por mensagem após eleição: ‘Não vou te visitar na Papuda’

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) se queixou com o filho, também deputado, Eduardo Bolsonaro (PSC-SP), via WhatsApp, aplicativo de mensagens instantâneas. Logo depois da eleição na Câmara dos Deputados, na última quinta-feira (2), Bolsonaro escreveu para Eduardo que ele estava fazendo “papel de filha da puta”. “Mais ainda, compre merdas por aí; não vou te visitar na Papuda [prisão do Distrito Federal]”, acrescentou Bolsonaro.
O militar reformado se candidatou à presidência da Casa, mas seu filho não estava no plenário para participar da votação, e ele obteve apenas quatro votos. “Quer me dar esporro tudo bem. Vacilo foi meu.
Achei que a eleição só fosse semana que vem. Me comparar com o merda do seu filho, calma lá”, escreveu Eduardo. No final do diálogo, Bolsonaro deixou uma mensagem enigmática, sugerindo alguma ilegalidade cometida pelo filho.  “Se a imprensa te descobrir aí, e o que está fazendo, vão comer seu fígado e o meu. Retorne imediatamente”, escreveu. O registro do momento do diálogo foi feito pelo repórter fotográfico Lula Marques, que publicou a imagem em seu perfil no Facebook.
BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo