BrasilCidadesGeral

“Bolsonaro é uma espécie de profeta da ignorância”, diz Carlos Lupi

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, criticou o imbróglio envolvendo o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, em torno da compra de vacinas contra a Covid-19. O líder do Palácio do Planalto suspendeu a compra do produto desenvolvido pelo laboratório chinês Sinovac com o Instituto Butantan, de São Paulo. “Bolsonaro é uma espécie de profeta da ignorância”, declarou o pedetista, em entrevistadurante passagem por Salvador nesta quinta-feira (22).

“Não respeita a medicina, não respeita a ciência, e a minha impressão é que ele está querendo contaminar o povo para que o povo não se cure. Ora, essa vacina está sendo testada e nós defendemos que ela seja obrigatória para eliminar essa doença. E que os Estados tenham autonomia para decidir o que fazer”, completou.

Pazuello havia anunciado a compra de 46 milhões de doses da Coronavac, no último dia 20. No dia seguinte, Bolsonaro foi às redes sociais para desautorizar o ministro

“A vacina chinesa de João Doria, qualquer vacina antes de ser disponibilizada à população, deve ser comprovada cientificamente pelo Ministério da Saúde e certificada pela Anvisa. O povo brasileiro não será cobaia de ninguém. Minha decisão é a de não adquirir a referida vacina”, escreveu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar