Esportes

Após recusar Corinthians, Renato Gaúcho fala sobre trabalhar no Rio: “Unir útil ao agradável”

Durante evento de revitalização da Calçada da Fama do Maracanã, o técnico Renato Gaúcho falou nesta sexta-feira sobre a recusa à proposta feita pelo Corinthians. O treinador afirmou que a conversa com a diretoria alvinegra foi similar a que teve com o presidente do Santos, Andrés Rueda, e reforçou seu desejo de descansar e aproveitar o período para passar mais tempo com a família.

“Foi mais ou menos a conversa que eu tive com o presidente do Santos. Eu saí do Grêmio porque estava há muito tempo longe da minha família. Foram mais de cinco anos lá no Sul, pandemia, mal dava para vir na ponte aérea. Agora teve interesse do Corinthians, foi basicamente a mesma conversa que eu tive com o presidente. Agradeço o carinho dos dois clubes, as duas torcidas me trataram muito bem”, declarou.

Achei melhor agora curtir minha família, a praia que eu gosto, o chope que eu gosto de beber, meus amigos, enfim, fazer as coisas que eu sempre gostei. Até porque eu estou trabalhando há quase cinco anos direto, é até bom para você descansar um pouco a cabeça. Mas pode ter certeza que eu vou sentir saudade e daqui a pouco estarei de volta”, completou.

Renato também comentou sobre a chance de trabalhar no Rio de Janeiro. Para ele, a possibilidade uniria “o útil ao agradável”, já que o treinador poderá ficar mais perto de seus familiares.

“É lógico que, se um dia eu tiver que voltar a trabalhar no Rio de Janeiro, seria melhor em termos de que estaria próximo da minha família no Rio. Moro aqui há mais de 30 anos, tenho meus negócios, minha família, tudo o que tenho está no Rio de Janeiro. Seria unir o útil ao agradável. Mas eu sou profissional e, daqui a pouco, quando eu cansar, se aparecer ofertas, vou estudar todas com carinho. Mas sem dúvida alguma, quando eu cansar e sentir saudade, daqui a pouco eu volto”, acrescentou o técnico.

Sem Renato Gaúcho, o Corinthians segue sendo comandado pelo interino Fernando Lázaro. O Timão volta aos gramados na próxima quarta, quando enfrenta o River Plate-PAR às 21h30 (de Brasília), na Neo Química Arena, pela sexta rodada do Grupo E da Copa Sul-Americana.

Galaticosonline

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo