Cotidiano

Advogados de Lula estudam medidas judiciais contra Doria

joao-doria-x-lulaOs advogados do ex-presidente Lula avaliam entrar com medidas judiciais contra o prefeito eleito de São Paulo, João Doria (PSDB).

O tucano declarou em entrevistas que em breve visitaria o ex-presidente em Curitiba – em menção às prisões da Operação Lava Jato, cujos detidos ficam custodiados, em grande parte, na Superintendência da Polícia Federal no Paraná. “Vocês todos sabem qual a minha opinião sobre o ex-presidente Lula. Lula sabe que em algum momento vou visitá-lo em Curitiba e farei minha homenagem a ele lá”, afirmou, em entrevista ao SBT Repórter.

Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, Lula já havia acionado Doria em abril, quando ele afirmou que o petista deveria participar da campanha municipal da capital paulista “antes de ser preso”. Doria chegou a afirmar que pediria ao juiz Sérgio Moro para adiar a prisão de Lula. Interpelado, Doria se defendeu afirmou ser gestor e não político.

O empresário alegou também que sempre esteve “no centro da vida política nacional” e citou os “cargos governamentais” que assumiu, como a secretaria de Turismo na gestão municipal de Mario Covas e a presidência da Embratur no governo Sarney. Doria afirmou ainda que “jamais teve a intenção de ofender a honra do ex-presidente da República ou de ridicularizá-lo”. O processo foi cancelado.

BN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo