JustiçaPolítica

Advogado protocola pedido de mandado de Segurança e acusa Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre de tentar golpe para enfraquecer governo

O advogado e consultor jurídico Dr. Anselmo Ferreira Melo Costa entrou com um pedido de mandado de segurança contra os presidentes da Câmara e do Senado, Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, alegando a possibilidade de golpe contra a democracia.

O presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia e o presidente do Senado Federal Davi Alcolumbre têm sido alvos de diversas críticas por suas atuações à frente das casas legislativas mais importantes do país. Sob a liderança de ambos, o governo têm sofrido diversas derrotas e, segundo alguns especialistas em política, as falas de Maia e Alcolumbre apontam para um tipo de tentativa de implantar um “parlamentarismo branco”.

O advogado e consultor jurídico Dr. Anselmo Ferreira Melo Costa protocolou pedido liminar de mandado de segurança contra os presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado alegando que os mesmos usam de suas posições e de seus cargos para perseguir o presidente da República, Jair Bolsonaro, e aplicar um tipo de golpe contra a democracia e o Estado Democrático de Direito: “Os Requeridos tentam, de todas as formas, retirar a governabilidade do Presidente da República, de modo a deixá-lo enfraquecido, a dar azo assim para um possível impeachment. O que se nota é que, na qualidade de pessoa pública política, os mesmos abusam de seus cargos para ditar normas e conspirar contra o nosso governo. Vivemos em uma democracia e a mesma tem de ser respeitada.”

Possível golpe

A razão apontada pelo advogado para o pedido liminar baseia-se na possibilidade de um golpe contra a democracia que estaria sendo preparado: “segundo informações reveladas pelo ex-deputado Roberto Jefferson, há indícios de preparação de um golpe pelos Requeridos, bem como a derrubada do Governo Brasileiro, através de apresentação de um impeachment já encomendado, o que deixa mais claro ainda a tese seus interesses são meramente pessoais, sem se recordar da atual posição em que ocupa, que visa o interesses de toda a população.”

Parlamentarismo Branco

Segundo as denúncias de Roberto Jefferson, o objetivo da PEC 101/2003 é a instauração de um “parlamentarismo branco”. As acusações apontam que os Requeridos no pedido liminar realizado pelo Dr. Anselmo Ferreira Melo da Costa, possam assim se valer de sua reeleição para aplicar um golpe.

Recorde-se que Roberto Jefferson foi o denunciante do esquema do mensalão nos governos Lula e Dilma, onde teve participação ativa do esquema de recebimento ilícito de dinheiro para a compra de parlamentares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar