Cidades

Servidores estaduais são surpreendidos com cancelamento das gratificações em maio

RUI COSTA - FORMALEm pleno arrocho provocado pelo ajuste fiscal, 1.045 servidores estaduais foram surpreendidos com o cancelamento das gratificações por insalubridade ou periculosidade nos salários de maio. Em alguns casos, os adicionais representam até 40% da remuneração para cerca de 26 mil funcionários públicos que recebem um dos dois benefícios. O corte foi comunicado pela Secretaria de Administração (Saeb) do governo Rui Costa (PT) apenas às vésperas da distribuição dos contracheques impressos. O acesso à versão online, liberada no portal da Saeb, na internet, sempre a partir do dia 15 de cada mês, só ficou disponível no fim da última semana, quando a determinação foi divulgada. Em nota afixada nos murais de órgãos atingidos pela medida, a secretaria alega que o cancelamento se baseou em recomendações do Tribunal de Contas do Estado (TCE), da Procuradoria-Geral e da Auditoria-Geral do governo. (Correio)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo