BrasilGeral

‘Se isolamento funcionasse, ninguém morreria em asilo’, diz Osmar Terra

O deputado federal Osmar Terra (MDB-RS) é ouvido na CPI da Covid nesta terça-feira (22), no Senado. Durante depoimento, o ex-ministro da Cidadania criticou o isolamento social como medida para conter a disseminação do novo coronavírus.

“Se isolamento funcionasse, não morreria ninguém em asilo”. “Os asilos foram lugares de maior número de mortes no ano de 2020: 46% das mortes nos Estados Unidos foram em asilos, 80% das mortes no Canadá, 70% da Suécia, que não fechou nada”, argumentou.

Osmar Terra foi convidado pela CPI por supostamente integrar o chamado “gabinete paralelo” do presidente Jair Bolsonaro, responsável por dar instruções sobre o enfrentamento à pandemia.

O parlamentar se defendeu das previsões sobre a gravidade da crise sanitária. “Sei que vão mostrar um monte de vídeos meus falando das previsões. As previsões que fiz foram baseadas nos fatos que existiam na época, em fevereiro, em março [de 2020]”, disse.

O deputado também negou ter defendido a imunidade de rebanho por exposição ao vírus. “Não existe nenhuma proposta aqui de deixar a população se contaminar livremente. A imunidade de rebanho é uma consequência, é como terminam todas as pandemias”, finaliza.

Bahianoticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo