NEWS

SAJ: Ministério Público realiza audiência pública sobre a retirada dos flanelinhas das ruas

FLANELINHAOntem, quinta-feira (05), o Ministério Público realizou uma audiência pública no Fórum Desembargador Wilde Lima sobre a situação dos flanelinhas em Santo Antonio de Jesus. O repórter Reginaldo Silva, Rádio Andaiá FM, entrevistou inicialmente o senhor Herivaldo Nery, presidente da Acesaj, o qual comentou sobre uma questão que se tornou comum o consumo no centro da cidade: as drogas.

“Eu não vou falar sobre os flanelinhas. Nós temo um problema no centro da cidade que as pessoas o apelidaram de flanelinha. O nosso problema são as drogas que os guardadores de carro fazem uso”, disse o senhor Herivaldo. Ele destacou que é necessário conhecer mais a situação para que uma providência concreta seja tomada. “Isso que está acontecendo é só o início e se não for cuidado agora teremos problemas sérios” disse.

O Dr. Valdemar Ferraz, promotor substituto da Vara da Infância e Adolescência, destacou a sua preocupação em relação aos menores que realizam o trabalho de flanelinhas nas ruas da cidade. Segundo ele uma grande parte de menores estão envolvidos no problema dos flanelinhas. “A atuação da infância e juventude precisa estar presente, se existem menores envolvidos o Ministério Público junto a atuação da Vara da Infância e Adolescência tem que estar presente, tem que buscar soluções e com o apoio e aval da sociedade”, salientou Dr. Valdemar.

“Garantimos uma ação educativa, mas sabemos da necessidade da atuação dessa atividade”, expôs Manuela Mercês, Secretária de Ação Social do município, referindo-se a audiência pública e toda discussão feita em torno do tema.

Dr. Julimar Barreto, também entrevistado, finalizou informando que se existem menores envolvidos e correndo o risco nas atividades como flanelinhas, devem ser proibidas. “Por isso que inicialmente será feito um cadastramento das pessoas para depois ser feito um trabalho policial”, relatou Barreto.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios