Cotidiano

Ministro nega que governo vá elevar jornada para 12h por dia

238452O ministro do Trabalho, o gaúcho Ronaldo Nogueira, negou na manhã desta sexta-feira (9) que a proposta do governo do presidente Michel Temer para a reforma trabalhista pretenda elevar o limite da jornada diária de oito para 12 horas. Segundo ele, a reforma trabalhista, que deverá ser encaminhada ao Congresso Nacional no início de dezembro, quer reduzir a insegurança jurídica para combater o desemprego e a informalidade.
 
“Venho do meio sindical, imagina se apresentaria proposta de aumento de jornada. Serão mantidas as 44 horas de trabalho por semana”, destacou. “Não se falou em aumentar a jornada para 48 horas semanais, citei apenas um exemplo hipotético.” A referência foi ao debate que o ministro teve nesta quinta-feira (8) com representantes sindicais de 19 estados. “Doze horas é voltar ao tempo da escravidão, direito você mantém, não retira”, disse.
 
A proposta foi citada em evento nesta quinta (8) com sindicalistas e foi destacada na capa do site da Agência Brasil até o começo da manhã desta sexta. Na noite desta quinta, o presidente Michel Temer ligou ao ministro para que ele negasse qualquer alteração na jornada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo