Esportes

Jorge Sampaoli cogita deixar Atlético-MG por conta de salários atrasados do elenco

O técnico argentino que está comandando o Atlético-MG, Jorge Sampaoli está fazendo duras cobranças à diretoria do Galo por conta de atrasos nos salários de seus jogadores. Segundo a ‘Rádio 98FM’, o treinador teria até ameaçado sair do comando técnico do clube se a situação continuar desta maneira.

O Galo deve dois meses de salário ao elenco, mas apesar de um membro da diretoria do clube confirmar que as cobranças do técnico são duras, ele nega que Sampaoli tenha menciona qualquer hipótese de abandonar o clube antes do fim da Série A.

O diretor de futebol do Atlético-MG, Alexandre Mattos, disse em entrevista que os vencimentos serão regularizados e admitiu que o pagamento de salários em dia foi uma exigência do argentino quando assinou o contrato.

“A exigência parte, inclusive, do nosso presidente, que quer a casa em ordem. Todo profissional vai ser respeitado com seu vencimento em dia. É uma coisa corriqueira de qualquer empresa, não só de futebol ou do Clube Atlético Mineiro. (…) O Atlético vive uma situação financeira delicadíssima, e isso não é segredo para ninguém. Com a pandemia, isso ficou mais difícil ainda”, falou e ainda completou:

“O Sampaoli veio para cá – o que também não é segredo – com algumas situações definidas: salário em dia, possibilidade de montar elenco forte para tentar título. Isso tudo nós estamos fazendo um esforço hercúleo para alcançar isso. O Atlético tem uma proximidade de ter esses vencimentos em dia”.

O Galo conta com a ajuda de Rubens Menin,conselheiro/patrocinador/apoiador do clube, que tem dado apoio financeiro ao clube e sem ele o Galo não teria dinheiro para as contratações que fez e nem atender aos dejesos do treinador argentino.  Menin garante que os empréstimos são feitos sem garantia e sem cobrança de juros ou correção monetária.

Galaticosonline

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar