Saúde

Estudo identifica 2 sintomas de câncer colorretal em fase inicial

Estudos revisados podem pedem ajudar na detecção precoce do câncer.

Um novo estudo revela os sintomas mais comuns em pacientes com câncer colorretal de início precoce.

Principais sintomas identificados

  • Hematoquezia (Sangramento Retal): 45% dos pacientes apresentaram fezes com sangue.
  • Dor Abdominal: Cerca de 40% dos pacientes relataram este sintoma.
  • Alterações nos Hábitos Intestinais: 27% dos pacientes tiveram mudanças como prisão de ventre, diarreia ou alternância entre os dois.

Publicação e contexto do estudo

Inicialmente os resultados foram publicados no JAMA Network Open em 24 de maio. A pesquisa foi motivada pelo aumento da incidência deste câncer em jovens. Os investigadores analisaram 81 estudos globais, abrangendo quase 25 milhões de pessoas.

Tempo para diagnóstico

Em 34 dos estudos revisados, o diagnóstico demorou cerca de quatro a seis meses após o início dos sintomas.

Comparação com estudos anteriores

Embora as descobertas não sejam inteiramente novas, contudo a nova investigação reforça a importância de reconhecer os sinais de alerta em jovens. Anteriormente um estudo, publicado em maio do ano passado, também destacou sintomas como dor abdominal, sangramento retal, diarreia e anemia por deficiência de ferro.

Recomendações ao notar sintomas

A detecção precoce do câncer colorretal pode aumentar significativamente as chances de sucesso no tratamento. Eventualmente se note qualquer sintoma, é crucial consultar um médico e relatar detalhadamente suas observações. Exames de rastreamento, como colonoscopia e testes de sangue oculto nas fezes, são fundamentais, especialmente para indivíduos com fatores de risco.

Estatísticas sobre o câncer colorretal

A princípio o câncer colorretal é o terceiro mais comum diagnosticado em homens e mulheres. Conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS), aproximadamente 1,9 milhão de novos casos foram diagnosticados em 2020.

Fatores de risco

  • Idade Avançada
  • Histórico Pessoal ou Familiar: Câncer colorretal ou pólipos intestinais.
  • Doenças Inflamatórias Intestinais: Colite ulcerativa e doença de Crohn.
  • Dieta Pouco Saudável: Rica em carnes vermelhas e processadas, gorduras saturadas e baixa em fibras, frutas e vegetais.
  • Sedentarismo
  • Obesidade
  • Consumo Excessivo de Álcool e Tabagismo
  • Condições Genéticas Hereditárias: Síndrome de Lynch e polipose adenomatosa familiar.


Descubra mais sobre Mídia Bahia

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios