Cotidiano

Escanteado, Mourão reclama da ausência de diálogo com Bolsonaro: “faz falta”

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB), reclamou da falta de diálogo com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A declaração foi dada durante entrevista a CNN Brasil. 

“Não há conversas seguidas entre nós. As conversas são bem esporádicas”, afirmou o general. Indagado se sente falta de mais diálogo, respondeu: “Faz falta, sim. Faz falta até para eu entender em determinados momentos o que eu preciso fazer”, disse à emissora. 

O perretebista inclusive já descarta a possibilidade de ser o vice de Bolsonaro em uma eventual chapa de reeleição no próximo ano. “Depende. Teríamos de ter uma conversa”.

Afirmou que não tramaria nada contra Bolsonaro e também que não concorreria contra o presidente. Questionado pela emissora se a mosca azul do poder teria lhe picado, respondeu: “Não. Fui militar durante 46 anos da minha vida. Comandei tudo que você pudesse comandar. Então, a mosca azul não me pica aqui de jeito nenhum”.

O filiado ao PRTB admitiu na entrevista já ter recebido convites para seguir para outro partido, mas não revelou o nome.

Vale lembrar que situação semelhante aconteceu com a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) que recebeu uma carta endereçada pelo seu ex-vice presidente Michel Temer (MDB), meses antes da abertura do processo de impeachment, justamente com a mesma queixa: falta de diálogo. 

Bnews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo