Cidades

Envio do caso Geddel ao STF pode colocar Lucio Vieira Lima no olho do furacão

No parecer que sustenta o envio das apurações sobre supostos crimes cometidos pelo ex-ministro Geddel Vieira Lima ao Supremo Tribunal Federal (STF), a Procuradoria da República em Brasília ponderou que a investigação possa colocar o irmão do peemedebista, deputado Lúcio Vieira Lima, no olho do furacão.

O ministro Luis Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF, ao receber as investigações sobre Geddel, pediu para a Procuradoria Geral da República (PGR) emitir parecer opinando sobre a necessidade de apurar a eventual ligação de Lúcio Vieira Lima com os supostos crimes cometidos por Geddel.

Como Lucio tem foro privilegiado, o caso foi remetido para a Suprema Corte.

No parecer do MPF, que a TV Globo teve acesso, os procuradores da República afirmam que “impõe-se a continuidade das investigações, a partir desse momento, com a análise dos elementos obtidos e a realização dos necessários atos investigatórios, inclusive com o fim de descortinar possível participação do depurado federal Lucio Vieira Lima nos ilícitos em apuração”.

Varelanoticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo