Esportes

Com gritos de ‘pipoqueiros’, jogadores do Bahia são recebidos com protesto

Quando a fase não está boa, até a torcida, sempre fiel e apaixonada, perde a paciência. Na tarde desta sexta-feira (20), inconformados com o  momento da equipe no Campeonato Brasileiro da Série A, 19º lugar e vice-lanterna, um grupo de torcedores do Bahia protestaram em frente ao portão do Fazendão.
Cerca de quarenta torcedores, com gritos de protesto, pararam diversos jogadores na entrada o CT e cobraram melhores resultados. O atacante Elias e o meia Diego, que chegaram em um único carro, foram ‘barrados’ mas sequer conversaram com os tricolores.

O lateral-esquerdo Ávine, que deve voltar ao time neste domingo (22), contra o Coritiba, não só parou o veículo como conversou com parte dos tricolores. Policiais Militares foram convocados, mas só acompanharam a movimentação da torcida.

O ônibus com a delegação do tricolor, que chegou do Rio de Janeiro no início da tarde, chegou ao Fazendão acompanhado de três viaturas de PM. Os torcedores, ao som do grito ‘pipoqueiros’, cobraram uma nova postura e também reclamaram das contratações xingando, e muito, o presidente Marcelo Guimarães Filho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo