FutebolBrasilEsportesNEWSPolícia

Carros e ônibus são incendiados no entorno da Vila Belmiro após queda do Santos; 11 policiais ficaram feridos

Após o rebaixamento inédito na história do Santos, perdendo o jogo por 2 a 1 contra o Fortaleza, nesta quarta-feira (06), houve muita confusão dentro e fora do estádio, terminando em bombas atiradas e veículos incendiados. De acordo com o G1, 11 policiais ficaram feridos e duas viaturas foram danificadas. Ninguém foi detido.

Seis ônibus e quatro carros foram incendiados pelos torcedores, que também avançaram contra os policiais, arremessando garrafas, pedras e fogos de artifício. Bombeiros foram acionados e tiveram de controlar o fogo, que podia ser visto de perto do estádio.

whatsapp image 2023 12 07 at 00.39.23 1
Carros e ônibus foram incendiados após rebaixamento do Santos— Foto: Silvio Luiz/g1 Santos

A situação se iniciou com um conflito entre a polícia e torcedores organizados do Peixe. As autoridades tentaram conter maiores danos através de cavalaria, bombas de efeito moral e gás de pimenta, que chegaram a gerar efeito até mesmo nos jogadores do Santos.

Cenário de destruição

Pelas ruas da Vila Belmiro em Santos, no litoral de São Paulo, foi possível ver o cenário de destruição na manhã desta quinta-feira (7), após o vandalismo cometido por torcedores na quarta-feira (6). Carros e ônibus foram incendiados, um CT pichado.

De acordo com a CPFL Piratininga, a distribuição rede de energia na Avenida Pinheiro Machado foi atingida por um incêndio em veículo, causando interrupção do serviço para os clientes.

vandalismo santos
Vila Belmiro após os protestos — Foto: Vanessa Medeiros/g1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios