Cotidiano

Amargosa: barragens do Timbó e Riachão chegam a níveis críticos; situação é preocupante

Situação dos reservatório podem ser amenizadas com chuvas prevista para está semana.

A situação da escassez de chuva que atinge Amargosa e toda a região do Vale do Jiquiriçá é bastante preocupante. Nesta segunda-feira (27), moradores de bairros como: Sucupira, Santa Rita, Catiara e demais pontos no centro da cidade entraram em contato com nossos repórteres para relatar a falta de água nas torneiras.

A equipe da Vale FM buscou informações junto aos técnicos da Embasa, que é a empresa responsável pelo fornecimento de água.

De acordo com o órgão, o problema da escassez de chuva chegou a níveis críticos. Para termos uma noção mais clara sobre o problema, basta analisarmos os seguintes números. Em tempos de chuvas habitais, a barragem do Timbó tem um volume captado de 90m³/hora. Atualmente, por conta do longo período de estiagem, são captamos apenas 30m³/hora.

A situação também é crítica na barragem do Riachão. O volume captado em períodos normais, é de 115m³/hora. Hoje, existe uma sobrecarga no sistema para dar conta do abastecimento na cidade. Segundo Nelson Santos Alves, Coordenador do Processo de Tratamento, tem sido feito um trabalho com equipamentos operando em paralelo nas elevatórias, e atualmente estão sendo captados 167m³/hora.

Por conta desta sobrecarga, o nível da barragem do Riachão baixou muito, inclusive, já parou de verter. Caso não chova nos próximos dias, a tendência é que seja feita redução do volume captado, o que consequentemente se refletirá em manobras que incluem a interrupção no fornecimento de água para a população.

Vale destacar que o volume ofertado para a população hoje é de 4200 m³/ dia, quando o necessário seriam 4800 m³/dia, o que dá uma média de 100lts por cada morador.

Uma solução para tentar amenizar o problema da falta de água que acontece ao longo dos anos, é a ampliação das barragens. Segundo Gilson Souza, gerente do escritório da Embasa em Amargosa, a barragem do Riachão está com o seu projeto em fase de licitação e precisa ser executado o mais breve possível como forma de garantir que no futuro próximo o problema da falta de água não se repita.

A gerência da Embasa orienta ainda que a população economize água e evite o desperdício, e sugere que a população adquira reservatórios para fazer estoque de água.

Segundo dados do portal Climatempo, existe uma previsão de chuva para a cidade de Amargosa a partir desta quarta-feira (29), que deve seguir durante o fim de semana. A expectativa é que as águas de março finalmente cheguem e tragam um alento para a população.

Nas redes sociais, internautas apelam para a fé e pedem que as pessoas façam suas orações clamando a Deus para que a chuva caia e traga um alento para a vida de tanta gente, animais e plantas que sofrem com as consequências desta, que é considerada a pior seca dos últimos 100 anos no Estado da Bahia.

 

O texto que circula pelo whatsapp diz o seguinte: “Senhor Jesus Cristo filho do nosso grandioso Pai do céu e da terra, nos abençoe mais uma vez, mande para nós uma abençoada e mansa chuva para encher nossos rios e nascentes d’água. Sei que o Senhor sabe a hora certa para tudo Pai, mas desde já estamos nos unindo e pedindo ao Senhor que derrame sobre nós a abençoada água do céu. Amém!”. Vale FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo