Sem categoria

Acusada do crime na Praça Padre Matheus diz: “Estou arrependida e quando sair daqui penso em fazer diferente”

Uildileide, Alex e Uedgledson acusados pelos crimes ocorridos na  Praça Padre Mateus na noite de domingo, dia (07/10), em coletiva a imprensa de Santo Antonio de Jesus nesta tarde de terça-feira falaram sobre os  motivos que os  levaram a cometerem os crimes O esposo de Leidinha afirma que uma gangue de rapazes o agrediu com garrafadas, capacetadas e barras de ferros e “na hora da raiva a gente fez uma besteira,” afirmou Alex. Ele falou também ser o dono da arma e não o irmão, e que entregou a mesma para a esposa atirar.

Uildileide que tem apenas 20 anos de idade, de início afirma não ter nada a dizer, no entanto, após instigação dos repórteres, se declara arrependida dos crimes que cometeu. “Estou arrependida e quando sair daqui penso em fazer diferente.” Já Uedgledson, cunhado de Uildileide, em todo momento afirmou não ter nada para dizer.

Texto: Nadia Jesus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo