Slide

50% de frango do Subway não é frango, aponta análise de DNA

Muitas pessoas se perguntam qual o tipo de carne usada para fazer os hamburgueres das redes de fast-food. Para sanar essa dúvida, foi realizada no Canadá uma pesquisa que aponta que, ao menos na rede Subway, metade da carne de frango na realidade não é de frango.

O estudo conduzido a pedido do programa de TV CBC Marketplace no laboratório da Universidade de Trent, analisou o DNA das carnes de diversos sanduíches das redes: McDonald’s, Subway, Wendy’s, Tim Hortons e A&W, revela o site UOL.

Segundo o pesquisador de DNA Matt Harnden, já era esperado que o hambúrguer não apontasse 100% de carne de DNA, uma vez que existe a adição de temperos, molhos e outros complementos.

O teste, realizado em fazes, analisou primeiramente duas amostras de cinco produtos. A maior parte das análises apontou valores próximos a 100% de carne, com valores variando entre 84,9% e 89,4%, contudo, as amostras do Subway apontaram apenas 53,6% de DNA no frango assado e, nas tiras, apenas 42,8%. E o DNA restante? Soja.

Em comunicado ao programa, o Subway do Canadá contestou o resultado: “Usamos este ingrediente para ajudar a estabilizar a textura e umidade. Todos os nossos itens de frango são feitos 100% de carne de frango”.

O vídeo do programa (em inglês) pode ser conferido aqui.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo