Acho que se comete uma injustiça, diz Rui sobre ausência de Lula em debate

O governador Rui Costa (PT) criticou a ausência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no primeiro debate televisivo, transmitido na quinta-feira passada pela TV Bandeirantes. “Acho que se comete uma injustiça. Vai ficar na história do Brasil a maior injustiça com o ex-presidente que foi o melhor presidente do país. A história leva tempo … Leia Mais


Após PSC descumprir acordo, Neto emplaca 30 candidatos a federal

Depois da crise provocada pela decisão do PSC, do candidato ao Senado Irmão Lázaro, de optar pela “chapinha” no grupo que concorre com o ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo (DEM), ao governo da Bahia, o prefeito de Salvador ACM Neto teve de emplacar 30 candidaturas à Câmara Federal, segundo a coluna do Estadão. … Leia Mais


Todos por Lúcio: MDB turbina chapa de federais para garantir vaga

Em uma tentativa de garantir a reeleição do deputado federal Lúcio Vieira Lima, único representante do MDB baiano em Brasília, o partido “inchou” a chapa de postulantes à Câmara dos Deputados. Conforme ata de convenção partidária entregue à Justiça Eleitoral, serão 37 candidatos a deputado federal. O número é quase o dobro dos 20 postulantes … Leia Mais



Irmão Lázaro: ‘Meu candidato a presidente é Jair Bolsonaro’


O candidato do PSC ao Senado, Irmão Lázaro, declarou que o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) é seu candidato à Presidência da República.

“Me perguntaram hoje quem é meu candidato à Presidência da República. Meu candidato é o candidato do povo e que está apresentando propostas que vão ao encontro do coração do povo. E eu acredito que esse candidato é o Jair Bolsonaro […] tem propostas fantásticas para o nosso país”, completou.

“Ele está dizendo que vai fazer coisas que outros candidatos não têm coragem de dizer. Ele tem se comportado como quem vai cumprir as promessas que tem feito. E isso alegra o povo”, ressaltou em entrevista ao jornal Tribuna da Bahia.

Lázaro compõe a chapa encabeçada pelo ex-prefeito de Feira de Santana José Ronaldo (DEM) ao governo do estado.

Bahia.ba

 


General Mourão é confirmado como vice na chapa de Bolsonaro


O general Hamilton Mourão (PRTB) foi oficializado como vice na chapa de Jair Bolsonaro (PSL) nas eleições deste ano. A informação foi confirmada pela assessoria do Partido Renovador Trabalhista Brasileiro.

 

Os partidos têm até este domingo (5/8) para resolverem as oficializações de candidatos a vice. Com esse acordo entre o PSL e o PRTB, Bolsonaro ganhará até quatro segundos no tempo de TV durante o horário eleitoral e mais sete inserções de 30 segundos durante a campanha.

 

Natural de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Antônio Hamilton Martins Mourão tem 64 anos e é general de exército da reserva do Exército Brasileiro.(Aratu)


‘Querem vetar o direito do povo de escolher o próximo presidente’, diz Lula em carta ao PT


Oficializado candidato do PT ao Planalto, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou hoje (4) uma carta à cúpula petista.

 

No texto, o ex-mandatário afirmou que “querem inventar uma democracia sem povo”, na qual as pessoas podem ser impedidas de escolher livremente o próximo presidente da República.

 

Lula diz ainda que “já derrubaram uma presidenta eleita, agora querem vetar o direito do povo de escolher livremente o próximo presidente”.

 

Mesmo com os impasses à candidatura, o petista não fez menção as opções da sigla no caso de uma possível impugnação. (M1)


Alckmin tem 19% e Bolsonaro tem 16% de intenções de voto em SP, diz Ibope


O ex-governador de São Paulo e candidato à Presidência do PSDB, Geraldo Alckmin, tem 19% das intenções de voto de acordo com pesquisa Ibope, divulgada nesta sexta (3) pela TV Bandeirantes, no cenário sem o petista Lula como candidato.

Em segundo lugar, com 16%, aparece o capitão reformado Jair Bolsonaro (PSL). O resultado configura um empate técnico entre os dois candidatos. A pesquisa foi realizada no estado de São Paulo.

Marina Silva, pré-candidata da Rede, tem 11% da preferência do eleitorado do estado de São Paulo, enquanto Ciro Gomes, presidenciável do PDT, tem 8%.

Fernando Haddad, ex-prefeito de São Paulo, aparece com 4% -mas a legenda ainda considera Lula, que está preso na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba desde abril, como o candidato oficial. Álvaro Dias, do PSC, também tem 4% das intenções de voto, segundo o Ibope.

Obtiveram 1% das intenções Eymael (DC), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meirelles (MDB), João Amoêdo (NOVO), Levy Fidelix (PRTB), João Goulart Filho (PPL), Manuela D’Ávila (PCdoB) e Vera Lúcia (PSTU). Não sabem ou não responderam são 7%. Brancos e nulos somam, neste cenário, 23%.

No cenário com Lula candidato, o petista tem 23% das intenções de voto no estado de São Paulo. Bolsonaro tem 18%, enquanto Alckmin, em terceiro, tem 15%.

No cenário com Lula, Marina tem 8%, Ciro tem 4% e Álvaro Dias tem 3%. Com 1% das intenções de voto aparecem os candidatos Meirelles, Amoedo, Levy e Manuela.

A pesquisa do Ibope ainda inclui números sobre rejeições aos presidenciáveis. Não votariam em Lula 44%. O ex-presidente é seguido por Bolsonaro, com 30%, Alckmin, com 27%, Ciro, com 24%, Haddad, com 20%, Marina, com 19%.

Já a intenção de voto para senador tem o petista Eduardo Suplicy na liderança, com 32%. Marta Suplicy, que nesta sexta anunciou que deixa o MDB e que não tentará a reeleição, tem 26% da preferência. Mário Covas Neto (PSDB) aparece em terceiro lugar, com 17%. Em quarto, com 12%, aparece Major Olímpio, seguido por Ricardo Trípoli (6%), Educador Daniel Cara (4%) e Mara Gabrilli (4%).

O instituto ouviu 1008 pessoas no estado de São Paulo entre os dias 29 de julho a 1 de agosto. A margem de erro máxima estimada é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

 


Everaldo minimiza tensão na base e diz que partidos serão bem acomodados


O presidente estadual do PT, Everaldo Anunciação, minimizou a tensão com os partidos da base aliada pela formação das coligações proporcionais.

O dirigente afirmou que o grupo governista terá três chapas para federal e três para estadual.

“Vamos manter a unidade. O que houve entre os partidos foi normal, se criou uma expectativa, claro que houve interesses individuais. Agora, vamos partir para estruturar as composições. Todos os partidos serão contemplados e tenho certeza que a arrumação seja confortável para quem tem mandato. Vamos fazer a maioria dos deputados federais e estaduais”, ressaltou.

Em coletiva, o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia e pré-candidato ao Senado pelo PSD, Angelo Coronel, disse que havia um “curto-circuito na questão do chapão”.

“Foi combinado anteriormente que todos os partidos que compõem a base fariam parte de um chapão, com exceção do PCdoB, que sempre saiu só. Esperamos que essa premissa, que foi acordada há meses, se mantenha até o dia da convenção. Porque não se pode mudar a regra do jogo praticamente no último minuto”, declarou.

O recado foi direcionado ao PT, que passou a defender a formação de mais chapas. Na última semana, o governador afirmou que, “com certeza”, haveria mais de uma chapa para a eleição a deputado estadual e mais de uma para federal, mas não entrou em detalhes. “Quantas, nós ainda vamos bater o martelo”, disse na ocasião.

Bahia,ba