Entretenimento

Walcyr Carrasco ganha liminar na Justiça contra ‘Pânico’

O autor de telenovelas Walcyr Carrasco demonstrou publicamente seu descontentamento com o quadro apresentado no programa Pânico, da Band, no dia 1º de julho. A atração satirizou a relação do escritor com Aguinaldo Silva, inclusive com insinuações à sexualidade.
Carrasco entrou com ação, através do seu advogado Ricardo Brajtman, que pleiteava retirada do quadro do ar, reparação por danos morais e proibição da veiculação do seu nome no programa. De acordo com a coluna do jornalista Ancelmo Gois, o autor obteve a liminar da desembargadora Elisabete Filizzola, da 2ª Câmara Cível, do Rio de Janeiro, neste sábado (14).
A imitação da personagem “Walcyr Churrasco”, caricatura feita pelo Pânico, foi proibida, por decisão judicial.  Além disso, os humoristas do programa não podem se aproximar do escritor sob pena de multa de R$ 50 mil.
Walcyr comentou o assunto em sua coluna da Revista Época na semana passada. “O que o ‘Pânico’ fez me prejudicou moralmente, e isso é o mais importante. Foi um ataque como nunca recebi na vida. Tomei uma atitude que nunca pensei: estou entrando com uma ação judicial a cargo do advogado Ricardo Brajtman, do Rio de Janeiro”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo