Bahia

Vitória da Conquista registra mais uma morte suspeita de H1N1

Márcia apresentava todos os sintomas da gripe H1N1.

pBEwzIpMárcia Lacerda, de 45 anos, faleceu na manhã deste sábado (14) no Hospital Regional de Vitória da Conquista. Suspeita-se que ela tenha morrido vítima das complicações provocadas pela gripe H1N1
A informação foi repassada pelos familiares. A família de Márcia Lacerda informou que a vítima apresentava todos os sinais e sintomas da gripe H1N1, o que levou a equipe médica a solicitar os exames para definir o diagnóstico. Os resultados ainda não foram divulgados oficialmente. Mesmo assim, a família da vítima confirma que a causa da morte foi o vírus da gripe H1N1. O corpo de Márcia foi encaminhado para o Instituto Médico Legal e até as 22h30 deste sábado (14) não havia sido liberado.
A causa da morte foi definida no atestado de óbito como complicações respiratórias. Os familiares não concordam com o diagnóstico definido no atestado de óbito e afirmam que os fatos não estão sendo tratados claramente. Com o caixão lacrado, corpo será sepultado na manhã deste domingo (15). Márcia era casada e tinha um filho.
+ Mulher morre com suspeita de gripe H1N1 no hospital de Ibotirama
H1N1 em Vitória da Conquista
No boletim divulgado nesta sexta-feira (13) pela Coordenação de Vigilância Epidemiológica, o município havia notificado 41 casos suspeitos de H1N1. Desse total, 11 foram positivos, 15 negativos, 03 foram provocados por outros vírus, 08 eram inconclusivos e 04 aguardavam confirmação. A campanha de vacinação contra o vírus continua sendo realizada nas Unidades Básicas de Saúde de Vitória da Conquista. Porém, o constante desabastecimento da rede tem provocado vários tumultos nos locais onde a vacina está sendo disponibilizada. A campanha segue até o dia 20 de maio. Fonte:  Blog da Gente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo