GeralNEWSSalvador

Vídeo: homem morre após ser imobilizado por seguranças do metrô de Salvador

Advogados dizem que mesmo a vítima portando os documentos de identificação, a família não foi notificada sobre o óbito.

Um homem identificado como Edmar Santos Costa Moreira, de 38 anos, foi morto após ser imobilizado por seguranças da CCR Metrô, na Estação Acesso Norte, em Salvador. O caso aconteceu por volta das 6h da manhã de 6 de janeiro, contudo, as imagens só foram divulgadas recentemente.

A causa do óbito ainda não foi confirmada, no entanto, a família suspeita que o homem foi asfixiado e teve uma parada respiratória durante a abordagem.

O que diz a família e o advogado:

Uma irmã da vítima, informou ao Correio que só conseguiram confirmar o óbito 12 horas depois, às 18h, quando a irmã e o pai foram procurar Edmar no Instituto Médico Legal (IML) e identificaram o corpo. O enterro aconteceu no dia 7, no Cemitério 1ª Ordem Primeira de São Francisco.

Os advogados da família, Pedro Fernandes e Dielson Monteiro, afirmam que nenhum órgão entrou em contato para avisar da morte, apesar da vitima, que era porteiro, estar com os documentos. A desconfiança se iniciou quando os chefes de Edson ligaram para a esposa dele informando da sua ausência no trabalho.

O caso está em fase de inquérito no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e aguarda o laudo médico que vai apontar a causa do óbito. Segundo Fernandes, alguns agentes da CCR já foram ouvidos, mas os depoimentos são contraditórios e sigilosos.

O advogado detalha que gravações do dia mostram Edmar possivelmente alterado e testemunhas contaram que ele entrou “em vias de fato”. Por isso a equipe abordou o homem. Fernandes abriu um protocolo nesta sexta-feira (19) na delegacia pedindo acesso às demais câmeras para ter mais dados do caso.

POSICIONAMENTO DA CCR

O Bahia Notícias entrou em contato com a CCR Metrô, que lamentou o ocorrido e informou que instaurou um procedimento interno de apuração dos acontecimentos na manhã de 6 de janeiro, quando agentes de atendimento e segurança da empresa foram acionados para atuar em uma ocorrência no Terminal de Ônibus Acesso Norte.

A concessionária ainda destacou que colabora com as autoridades na investigação dos fatos, informou que os agentes que participaram do atendimento desta ocorrência foram afastados de suas funções operacionais até a conclusão das investigações e detalhou o que as imagens de suas câmeras internas mostram:

“O passageiro ingressou no terminal cambaleando e chega a cair ao chão, sendo ajudado por outras pessoas que estavam no local. Instantes depois, ele se envolve em uma briga com um vendedor ambulante dentro de um ônibus, sendo também agredido por terceiros. Ao constatar a confusão, os agentes de atendimento e segurança se dirigem ao local e contêm o passageiro, acionando, em seguida, a Polícia Militar e o SAMU”, disse a CCR ao Bahia Notícias.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios