BrasilCidadesGeral

União de Rui e Neto para combater coronavírus ganha destaque na mídia nacional

A união do prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM, ACM Neto, e do governador Rui Costa (PT), inimigos políticos históricos, para combater o crescimento do coronavírus na Bahia foi destaque de uma reportagem da revista Veja, publicada nesta semana.

A matéria contextualiza a disputa histórica entre PT e DEM e conta que na prática Neto e Rui passaram a conversar toda semana “enquanto seus secretários de Saúde se falam diariamente para alinhar as medidas de controle da transmissão do vírus”.

“Os dois encamparam a defesa do isolamento social, pedindo à população que ficasse em casa, segundo as regras definidas pela prefeitura e pelo estado. Em cenas antes inimagináveis, fizeram lives juntos, transmitidas pelas redes sociais de ambos, e concederam entrevistas, também juntos, para informar as medidas contra a crise. Ambos começaram a restringir a circulação de pessoas já na segunda semana de março. De comum acordo, decidiram que o estado gerenciaria a distribuição dos leitos clínicos e de UTI tanto de sua rede quanto da municipal. ‘Essa unificação melhora a qualidade da informação, do planejamento e, consequentemente, do serviço prestado à população, que, na hora da doença, não quer saber se o médico é da prefeitura ou do estado’, afirmou Costa. A prefeitura, por sua vez, comprometeu-se a atender em sua rede os pacientes que viessem de outras cidades. A ocupação de leitos municipais e estaduais destinados a pessoas com Covid-19 está em torno de 70% em Salvador, depois de ter batido em 88%”, diz um trecho da reportagem.

A aproximação de Rui Costa e ACM Neto também foi alvo de elogios do vice-presidente nacional do PDT e ex-ministro, Ciro Gomes. Para o pedetista, os dois dão exemplo para o país e pensam em um “bem maior”, que é a vida das pessoas. “Eles são inimigos figadais e estão dando esse bom exemplo. São dois excelentes gestores”, disse em entrevista à rádio Metrópole, na quinta-feira (4).

O PT e o DEM devem voltar a se enfrentar na esfera estadual nas eleições de 2022, quando Rui Costa vai encerrar seu mandato de reeleição. Já o prefeito ACM Neto, deve ser o candidato do Democratas ao governo da Bahia. Nos bastidores, o PT trabalha com a hipótese de ter o senador e ex-governador Jaques Wagner como seu candidato no pleito.

Nas eleições de 2018, Rui venceu o candidato de Neto, o ex-prefeito de Feira de Santana e ex-deputado federal José Ronaldo (DEM) por ampla vantagem. Na época. havia a expectativa de uma candidatura do prefeito ao Pala´cio de Ondina, mas o democrata acabou recuando da ideia e lançando o nome de Ronaldo.

Matheus Morais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo