Cotidiano

UFMG pede R$ 30 milhões a deputados para vacina 100% brasileira

Com estudos avançados, a UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) quer que a bancada mineira na Câmara dos Deputados trabalhe para angariar recursos a fim de viabilizar o desenvolvimento de uma vacina contra a Covid-19 100% brasileira.

Reitora da universidade, Sandra Goulart se reuniu com parlamentares na quarta-feira (7), em Brasília. Os deputados foram cobrados para pressionarem o Ministério de Ciência e Tecnologia para bancar cerca de R$ 30 milhões para garantir o avanço das pesquisas.

A instituição desenvolve sete imunizantes contra o coronavírus. Um deles, batizado de Quimera Proteica, está em fase avançada.

“Se não tiver apoio financeiro para entrar nas fases clínicas 1 e 2, temos que parar. Para nós é imprescindível, nós temos que produzir uma vacina nacional”, disse Sandra à coluna Painel, da Folha de S.Paulo.

Bahia.ba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo