Cidades

Traficante custodiado foge do Hospital Salvador; SSP investiga cirurgias clandestinas

TRAFICANTE FUGITIVOO Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) abriu inquérito para apurar as circunstâncias da fuga de um integrante da quadrilha de “Everaldinho”, apontado como líder do tráfico no bairro de São Caetano, em Salvador, do Hospital Salvador, por volta das 3h deste domingo (12). Segundo informações da Polícia Civil, ele estava na unidade com ferimentos provocados por arma de fogo e passou por cirurgias ortopédicas (em um dos braços e em uma das pernas). À frente das investigações, o coordenador da 1ª Delegacia de Homicídios, Marcelo Sansão pretende ouvir diretores, médicos, enfermeiros e atendentes do hospital para esclarecer as circunstâncias da fuga, “uma vez que o hospital havia sido notificado pela Polícia Civil de que qualquer procedimento em relação ao paciente, como alta, por exemplo, deveria ser dada mediante a presença da polícia, uma vez que se tratava de um suspeito de crime”. Ainda de acordo com a polícia, “não é a primeira vez que ocorre um fato como este no local”. A SSP investiga a realização de cirurgias clandestinas em baleados suspeitos no hospital. Segundo fontes da pasta, outros casos também estão sob apuração. Sansão já ouviu alguns funcionários da instituição e aguarda os responsáveis pela unidade. Todas as equipes médicas que trabalharam no sábado e domingo prestarão depoimento e as imagens do circuito interno de segurança já foram solicitadas para análise. Segundo a polícia, como o traficante teria recebido uma raquianestesia, o delegado apura se o criminoso recebeu ajuda para ser retirado do hospital e identificar as pessoas que poderiam ter auxiliado a fuga. De acordo com a Polícia Civil, o suspeito foi ferido durante confronto com quadrilhas rivais. Com informações de que ele estaria em uma unidade de saúde da capital, a DHPP iniciou as buscas e o localizou já no centro cirúrgico do Hospital Salvador, pronto para iniciar o procedimento.

BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo