Cotidiano

‘Tom preconceituoso’ de Wagner revela ‘desespero do PT’, diz presidente do DEM

O presidente estadual do Democratas, deputado federal Paulo Azi, rebateu as declarações feitas pelo senador e pré-candidato a governador Jaques Wagner (PT) direcionadas ao ex-prefeito e provável adversário eleitoral do petista, ACM Neto (DEM).

Em evento em Lauro de Freitas, diante de militantes, Wagner afirmou que a direita baiana entrará dividida nas eleições – em referência à possível participação do ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos-BA), no pleito – e que Neto pode ficar em terceiro lugar na disputa.

“Quem é Lula vem com a gente, quem não é Lula vai com o candidato dele. Vai sobrar quanto para o baixinho? Vai sobrar quanto para o ex-prefeito?”, provocou o petista.

Em nota enviada neste sábado (15), Paulo Azi classifica as declarações de Jaques Wagner como “preconceituosas” e afirma que elas revelam o “desespero do PT”.

“A última vez que Wagner, de forma preconceituosa, chamou Neto de ‘baixinho’ foi na eleição de 2012. O resultado todos já sabem: mesmo com a máquina federal e estadual ao seu lado, ele sofreu uma derrota histórica na disputa para a Prefeitura de Salvador. O tom preconceituoso do senador demonstra o tamanho do desespero do PT na Bahia”, reagiu.

Bnews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo