Entretenimento

Thiago Martins causa polêmica ao falar sobre cotas raciais: ‘É vergonhoso’

O ator Thiago Martins causou polêmica ao dar sua opinião sobre o sistema de cotas raciais. Entrevistado por Bruno Simone para o canal no Youtube ‘Na Real’, o interprete de Ryan na novela ‘Amor de Mãe’, afirmou ser contra o sistema e pontuou que a sociedade atual transforma tudo em preconceito.

Segundo o global, o sistema é algo que o país deveria sentir vergonha. Para Thiago a cor de pele não determina o nível de inteligencia.

“A cota, para mim, é vergonhoso no país. O negro bem-sucedido no Brasil ou é jogador de futebol ou a música muda o caminho dele. Ele não tem espaço que nós brancos temos. Eu tenho muitos amigos negros e a gente conversa sobre isso […] Isso [me] dói porque a cor da pele não muda nossa inteligência e nosso caráter, nós somos iguais. A única coisa que muda é nossa pele”, disse.

O ator deu como exemplo artistas e jogadores de futebol que são negros e bem-sucedidos para, segundo ele, provar que o sistema é inválido. “Para que existe cota para os negros? Não! Universidade e escola têm que ser para todo mundo. Emprego tem que ser pra todo mundo. A gente vê exemplos de negros bem-sucedidos pelo país, tanto na música, quanto no futebol, quanto sendo empresário, sendo advogado. Por que tiveram a chance e aproveitaram. Hoje eu aplaudo realmente os discursos”.

Nas redes sociais, Thiago Martins, revelado no filme premiado Cidade de Deus, foi lembrado como um dos únicos atores que conseguiram ascender. Para alguns internautas o sucesso do jovem, que aparece por poucos segundos no longa, tem ligação direta com sua cor de pele.

“O papel dele no filme nem era grande! E mesmo assim conseguiu carreira pós. Muitos outros que fizeram grandes atuações foram esquecidos, tem um que até para a drogadição foi”, disse uma internauta.

“Um completo imbecil, enquanto Leandro Firmino e Alexandre Rodrigues deram show de interpretação, onde estão mesmo?”, escreveu outro.

Enquanto outros concordaram com ele. “As cotas nunca irão solucionar o problema social”, afirmou um. “Eu estou do lado do Thiago nessa questão”, disse outro.

Bahia.ba

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar