Geral

Terremoto mata centenas de pessoas no Nepal; veja imagens

3mng5a57xv_3p9sx8k6e1_fileCentenas de pessoas morreram depois que um forte terremoto atingiu o Nepal e também gerou tremores em países vizinhos neste sábado (25).
Autoridades do país disseram que o número de mortos já atingiu 876 no Nepal. Além disso, pelo menos mais 34 pessoas morreram na Índia e 19 na China, sendo 11 no Tibet e oito no monte Everest, em decorrência do terremoto.

Vários edifícios antigos desabaram em Katmandu, incluindo templos e alguns monumentos, e milhares de pessoas foram às ruas por causa do risco de queda de outros prédios

Entre os edifícios desabados está a histórica torre de Dharara, construída em 1832, e que era patrimônio da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura). Pelo menos uma pessoa foi encontrada morta no local, que foi isolado pela polícia, disseram testemunhas à agência de notícias Reuters
Houve informações de devastação nas áreas montanhosas isoladas após o terremoto de magnitude 7,9, o pior em 81 anos, com seu epicentro a 80 km da segunda maior cidade do Nepal, Pokhara
O terremoto foi registrado às 11h56 locais deste sábado (3h11 no horário de Brasília), a noroeste de Katmandu, informou o USGS (Serviço Geológico dos Estados Unidos)
terremoto foi superficial em termos de profundidade, o que intensificou sua força destrutiva
Um colapso nas comunicações dificultava os esforços de ajuda, levantando temores de desastre humanitário no pobre país do Himalaia com 28 milhões de habitantes
Todos os hospitais da capital estão em estado de emergência, enquanto equipes de resgate e voluntários procuram sobreviventes entre os escombros
O turista indiano Devyani Pant estava em uma cafeteria de Kathmandu com amigos quando “de repente as mesas começaram a tremer e os quadros caíram das paredes”

“Estamos agora recolhendo os corpos e levando os feridos para a ambulância. Estamos sendo forçados a colocar os corpos um em cima do outro para que caibam”, afirma o turista. R7

Foto: Reprodução/twitter.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo