Sem categoria

Sul da Bahia ganhará universidade federal em 2013

A Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufesba), uma velha aspiração, está nascendo. Hoje, Naomar Almeida, que foi reitor da Universidade Federal da Bahia (Ufba) durante oito anos e coordena o projeto de implantação, realiza na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), em Itabuna, o primeiro Seminário de Planejamento Acadêmico. Depois fará mais dois, um em Teixeira de Freitas e outro em Porto Seguro. A nova universidade será instalada oficialmente em janeiro de 2013 com 617 professores e 7.100 alunos nos três campi, com a proposta de chegar a 13 mil em 2020. Mas em janeiro próximo ela começa a operar de fato.

Novo modelo – Diz Naomar, que também é o provável futuro reitor, que a Ufesba nasce com um projeto diferente. O modelo a ser adotado é o mesmo da Califórnia, nos EUA. – Os alunos serão classificados pelo Enem. Os que tiverem melhor desempenho farão o bacharelado. E entre estes os que se saírem melhor irão para cursos profissionalizantes. Quando implantada, a Ufesba terá um orçamento inicial de R$ 6,5 milhões. Tramitação no Congresso – O projeto de lei que cria a Ufesba está hoje na Comissão de Finanças do Congresso. O relator é o baiano Afonso Florence (PT). Mas o ministro Aloizio Mercadante (Educação) já nomeou a comissão de implantação, presidida por Naomar,  com representantes de todas as universidades que atuam na região. (ATarde)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo